Hemofilia e outras doenças

Com  o envelhecimento nas pessoas com hemofilia podem surgir outras doenças relacionadas com o aumento da idade. O aparecimento destas doenças deve ser controlado e gerido de forma a manter a sua qualidade de vida.

As doenças que geralmente afetam as pessoas hemofílicas com o aumento da idade são: osteoporose; a obesidade; a hipertensão; a diabetes; o colesterol (hipercolesterolemia) e doenças cardiovasculares.

A osteoporose caracteriza-se por uma diminuição da densidade nos ossos (densidade óssea), sendo que esta diminuição pode ainda ser mais acentuada em pessoas hemofílicas.

A baixa densidade nos ossos está associada a uma perda de movimentação das articulações e consequente diminuição de tecido muscular (atrofia muscular).

A prática de exercício físico adequado e a toma de suplementos de cálcio e vitamina D são importantes para a manutenção da densidade dos ossos adequada e consequente diminuição do risco de aparecimento de osteoporose.

osteoporose

A falta de exercício físico contribui para a prevalência de excesso de peso e obesidade. É importante que as pessoas com hemofilia pratiquem exercício físico regularmente, para isso, devem informar-se no centro de hemofilia onde estão a ser seguidos, sobre quais os desportos mais aconselhados para o seu caso.

Slide

A hipertensão ocorre quando a pressão do sangue que circula pelo interior das artérias do nosso corpo é elevada.

Pessoas com hemofilia apresentam, em média, maior pressão dentro dos vasos (pressão sanguínea) em comparação com a população em geral.

hipertensao

Com o aumento da idade as pessoas com hemofilia,  especialmente as que apresentam excesso de peso, devem verificar periodicamente os níveis de glicose, pois existe o risco de desenvolverem a diabetes.

Nos pacientes hemofílicos em que seja indicado o tratamento com insulina, podem ser administradas injeções subcutâneas sem se verificar elevado risco de perdas de sangue.

diabetes

Com o aumento da idade as pessoas com hemofilia,  especialmente as que apresentam excesso de peso, devem verificar periodicamente os níveis de glicose, pois existe o risco de desenvolverem a diabetes.

Nos pacientes hemofílicos em que seja indicado o tratamento com insulina, podem ser administradas injeções subcutâneas sem se verificar elevado risco de perdas de sangue.

colesterol

Verifica-se um pequeno risco de ocorrência de doenças relacionadas com o coração, associado à toma de fatores de coagulação.

Os pacientes hemofílicos com doenças cardiovasculares devem receber cuidados de rotina adaptados a cada situação individual, sempre com o conhecimento do seu médico cardiologista responsável.

doencas-cardiovasculares

Referências bibliográficas

D14

Autenticação

Bem-vindo! Introduza os seus dados para aceder à sua conta.

Lembrar-meRecuperar password?

Recuperar Password

Register